Corpo de Delito

#Resenha - Corpo de Delito - Patricia Cornwell

Corpo de Delito
Patricia Cornwell
Editora Paralela


Corpo de Delito é o segundo livro da série Scarpetta da autora Patricia Cornwell lançado aqui no Brasil pela editora Paralela. Esse ano decidi ler mais livros investigativos e colocar em ordem os livros parados na estante, e Corpo de Delito, estava parado na minha estante a um bom tempo, toda vez olhava para ele e ficava louca querendo ler, mas sempre adiava e finalmente li e foi uma leitura muito boa. 
   Para quem não conhece, a série Scarpetta é sobre a médica legista, Doutora Kay Scarpetta, e é muito raro vemos história sendo narradas por médicos legistas né? E essa série é bem diferente das que estou acostumada a ler. A narrativa é muito madura da Patricia, envolve o leitor nos pequenos detalhes que a Kay Scarpetta, vai percebendo.
  Em Corpo de Delito, temos um caso misterioso caso de mortes, primeiro começamos com ao assassinato da Beryl Madison, uma escritora que foi brutalmente assassinada em sua casa após chegar de uma viagem. Beryl vinha sofrendo ameaças por telefones e teve até seu carro arranhado, o que a deixou super assustada, mesmo ligando e informando a polícia sobre os telefonemas, não foi feito muita coisa. 
  Um dos principais suspeitos é Cary Harper, escritor famoso e que meio que "adotou" Beryl, já que ambos brigaram pois Beryl estava escrevendo uma autobiografia que comprometia muitas pessoas. 
  Dra. Kay Scarpetta e o investigador Marino formam uma bela dupla, Marino é um personagem desbocado e debochado, que tira toda a tensão em volta do mistério da morte, muita das vezes é inconveniente e isso me irritava, mas entendi que era um escape que a autora criou. Um personagem novo e misterioso que aparece nesse livro, é o  Mark James, um antigo namorado de Kay, que ressurge do nada em sua vida, a deixando totalmente perdida, e vários sentimentos voltam a tona.  Mark é um personagem que me deixou com o pé atrás, mesmo sendo um atencioso e tentando não misturar as coisas com a Kay, me deixou bem aflita. 
 Os dois começam a investigar os suspeito, mas para a surpresa de todos Cary Harper também é assassinado, o que deixa todos ainda mais instigados. O porque dessas mortes, o que Beryl escrevia? E cadê o manuscrito original de seu livro?
  Além das investigações, Kay tem de lidar com o agente de Beryl, que está louco atrás desse manuscrito e acusa a médica de te-lo, deixando a Dra. louca e acaba criando muitas polêmicas sobre seu departamento. Os mistérios são enormes, e prende o leitor. Além de ser bem diferente, ser contado por uma médica legista, o livro é voltado para o thriller psicológico, e percebemos o super envolvimento da médica, que também acaba recebendo ameças pelo telefone.
   Corpo de Delito é um livro misterioso, e me prendeu, mas uma vez a autora surpreendeu com o final, não deixou nada solto, bem amarradinho e que te deixa com aquela cara de "não acredito" haha.. Se gosta de livros investigativos, recomendo os livros da Patricia Cornwell.



About Maluca Por Livros

23 comentários:

  1. Fiquei pensando, pensando, e conclui que nunca li uma história narrada por médicos legistas, certeza que dariam boas histórias. Adoro livros de investigação, sobretudo quando há mulheres neste papel de destaque. Gostei da sua resenha, ajudou muito na definição por ler, já que a capa não chamou minha atenção.

    ResponderExcluir
  2. Realmente esta autora é bem famosa. Eu gosto de este tipo de livro, tanto que estou lendo de uma outra autora do gênero: Lisa Gardner. Da Patricia acho que li um só e faz muito tempo, mas sempre que posso me coloco a par dos livros.

    ResponderExcluir
  3. Confesso que não tinha costume de ler livros investigativos, no entanto esse ano essa realidade mudou. Gostei muito de ser uma médica legista, pois como você mesma citou não temos costumo de nos deparar com mulheres nesse poder. Acredito que esse ponto deixou a história ainda mais envolvente. Amo livros surpreendentes, que nos prende no decorrer das páginas e deixa o final bem amarrados. Por esses motivos acredito que vou amar essa leitura.

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Não sou muito de ler livros de mistérios ou thrillers mas já li alguns. Fico com a sensação de que fica sempre um final aberto… Mas se você diz que todas "as pontas soltas" dão certo no final é porque certamente gostou :)
    Por acaso já tinha ouvido falar da Patricia e falam muito bem. Vou tentar pesquisar para mudar a minha ideia sobre o género literário.
    Beijinhos


    http://tudosoblinhas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá! Eu sou a louca dos thrillers e suspenses! Adoro romance policial! Aprendi a gostar muito jovem, com a Agatha Christie e Sherlock Holmes, desde então amo ler histórias nessa temática! É um dos meus gêneros favoritos e tenho muita vontade de ler a série. É muito interessante poder acompanhar toda a história através da visão de quem investiga, de todo o trabalho médico e análise do corpo.


    Bjoxx ~ Aline ~ www.stalker-literaria.com ♥

    ResponderExcluir
  6. to querendo ler mais livros de mistério esse ano, gostei bastante de conhecer esse

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  7. Amei a história!! Vou procurar para ler assim que terminar os que já tenho aqui! Tô igual vc, precisando colocar em dia kkkk

    ResponderExcluir
  8. Que demais! É meu estilo de história favorito, daqueles que mais me prendem. Adorei, já quero!

    ResponderExcluir
  9. Oi Tahis!
    Adoro suspense policial e investigação criminal, esse livro ainda não conhecia, mas já coloquei na minha lista. Parabéns pela resenha a cada linha estava mais empolgada em saber sobre o mistério das mortes e como vai ser solucionado, obrigado pela dica, bjs!

    ResponderExcluir
  10. oi!
    Adorei a resenha :D gosto muito do gênero. Não conhecia essa série vou colocar na lista de leitura ;)

    ResponderExcluir
  11. Eu amo livros de investigação, e essa série é uma que está nos meus desejados há alguns anos. Preciso dar um jeito de comprar, mas quero ler na ordem, me dá agonia ler fora de ordem mesmo quando as histórias são meio que independentes. kkkk
    beijos

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Acho que foi aqui que li uma resenha dessa autora e gostei da forma como ela entrelaça os mistérios, deixando a leitura instigante. Bom saber que nesse livro ainda consegue ser surpreendente sem deixar pontas soltas, acho que pode ser uma boa pedida para conhecer.

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  13. Nao conhecia nao, mas achei interessante

    ResponderExcluir
  14. Gostei demais da sua resenha e anotei a dica dessa obra, pois é um estilo literário que gosto demais. Estou muito curioso para saber dessa trama na íntegra. Excelente dica.

    ResponderExcluir
  15. Já ouvi bastante sobre essa autora, mas ainda não li nada dela! Adorei a sinopse e a tua resenha do livro! Talvez eu comece por esse, hehehe

    beijinhos
    Ellen Machado | www.desviearota.com.br

    ResponderExcluir
  16. Gosto desse tipo de leitura, sua resenha muito vem feita. Parabéns pelo post

    www.maedefases.com

    ResponderExcluir
  17. Oi, Tahis.
    Há muitos anos li um livro dessa autora e me apaixonei.
    Depois descobri que vazia parte dessa série da Scarpetta, mas acho que era o livro sete já... kkkk Desde então venho desejando ler todos os livros dessa série na ordem de publicação!
    Sua resenha me lembrou que preciso procurar pelos primeiros volumes! Rs...
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  18. Olá amore, ta ai um tema que me prende e me fascina demais, esse livro me conquistou pela sua resenha me parece ser muito bom

    ResponderExcluir
  19. Esse é o meu gênero literário preferido e eu ainda não conhecia esse livro, depois de ler a sua resenha eu já fiquei aqui louca para ler também.

    ResponderExcluir
  20. Nunca li nada da autora, mas não foi por falta de indicação ou elogios porque sempre leio e ouço ótimas críticas sobre o trabalho dela. Já vo anotar esse aqui para ler em breve.
    beijos

    ResponderExcluir
  21. Gosto muito de livros com essa temática. Não conheço nada dessa autora, ainda, mas ja guardei tua dica!
    Parabéns pelo post!

    ResponderExcluir
  22. Não gosto muito desse estilo de narrativa policial, sabe? Essas que são uma série e tem como personagem principal um investigador, mas concordo com você: nunca tinha visto um médico legista sendo protagonista desse tipo de história, e ser uma MÉDICA é algo ainda mais surpreendente. Por isso, vou dar uma chance a dra Scarpetta =D

    ResponderExcluir
  23. E aí? Tudo certinho? Li só sua resenha e já tô pronto pra dizer que o meu personagem preferido do livro é o Marino. Não é só incomum legistas resolvendo crimes, mas também mulheres retratadas como investigadoras. achei a iniciativa bem legal. Abraço!

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.